Primeiro veículo lunar chinês para de funcionar

0
251

A sonda chinesa Coelho de Jade, também conhecida como Yutu, está morta. Segundo a New Scientist, o primeiro veículo lunar da China sofreu problemas mecânicos e tem sido incapaz de funcionar desde então.

Coelho de Jade pousou na Lua em dezembro de 2013. Os problemas começaram no mês passado, apenas seis semanas após o início de sua missão.

A máquina entrou no modo de hibernação ainda durante a sua primeira noite lunar. Na lua, a noite tem a duração de duas semanas terrestres.

Como é impossível se comunicar com os veículos durante a noite lunar, os operadores da missão tiveram que esperar o novo dia (nesta segunda-feira, 10) para confirmar se a sonda iria responder.

Mas Coelho de Jade não conseguiu acordar e funcionar normalmente. As temperaturas da superfície (que chegam a 90 graus Celsius durante o dia) caem em até 180 graus Celsius negativos. Certos instrumentos a bordo da sonda deviam ser protegidos do frio. Mas isso não aconteceu.

O veículo também não conseguiu orientar seu painel solar na direção certa em busca de energia. Uma falha nestes mecanismos, talvez causada pela poeira lunar, pode ter sido suficiente para deixar Coelho de Jade incapaz de funcionar. Uma declaração sobre a morte do veículo foi dada no site de uma agência de notícias estatal da China.

A sonda era equipada com painéis solares para gerar energia suficiente para fazer análises científicas e enviar para a Terra imagens tridimensionais da Lua. O veículo, com peso de 120 quilos, pousou na Baía dos Arco-íris, um território até então inexplorado da Lua. A ideia dos chineses era de que a sonda funcionasse durante três meses.

 

Fonte: Info

Sem Comentários

Deixe um comentário

*